ISQ com projeto de formação em eficiência energética de edifícios no Abu Dhabi

8 Março, 2016.

ISQ com projeto de formação em eficiência energética de edifícios no Abu Dhabi

O ISQ está a implementar um projeto de Formação em Eficiência Energética de Edifícios para alunos de mestrado em Engenharia Mecânica do Petroleum Institute (PI), instituição académica de referência mundial nas áreas da engenharia e energia. O objectivo é capacitar um grupo de alunos com competências e ferramentas práticas que lhes possibilitem realizar avaliações da performance energética de edifícios.

Este projecto tem a duração de um ano e está dividido em duas fases. A primeira, já em curso, é composta por uma componente de base teórica realizada no Abu Dhabi, e por uma componente prática que terá lugar em Portugal, no Laboratório do ISQ, o ECOTERMOLAB – Laboratório de Formação e de Investigação e Desenvolvimento (ID&I) na área da energia.
Na segunda fase, o foco será o desenvolvimento de auditorias energéticas a edifícios do PI pelos alunos de mestrados e onde o ISQ irá assegurar o seu acompanhamento. Esta fase terá início na última semana de Março.

A escolha do ECOTERMOLAB para acolher a formação prática deveu-se às suas características únicas para o desenvolvimento deste tipo acção, pois este edifício de formação do ISQ, localizado em Vila Nova de Gaia, foi concebido tendo como princípio que todos os seus equipamentos e respectivas infra-estruturas energéticas estão acessíveis para serem utilizados, medidos, operados, intervencionados em acções de formação em contexto real de operação.

Na origem deste projecto esteve a realização de um workshop no PI, aberto à comunidade, sob a temática “Edifícios e Sustentabilidade”, onde foi discutida a importância dos edifícios no consumo de energia mundial (cerca de 30%), assim como o panorama actual em termos dos sistemas de certificação de edifícios mais utilizados a nível mundial, LEED – “Leadership and Energy and Environment” e BREEAM “Building Research Establishment Environmental Assessment Methodology” e a sua comparação com o regulamento dos edifícios estabelecidos no Abu Dhabi, designado ESTIDAMA.
No workshop foram ainda apresentados casos de estudos em temos de eficiência e sustentabilidade em edifícios tanto em Portugal como nos Emirados Árabes Unidos.

De realçar que a relação entre o ISQ e o PI nasceu em 2013 no âmbito da construção do Petroleum Institute Reseach Center (PIRC) em Abu Dhabi, um edifício com 23.000 m2 incluindo 9.000 m2 de laboratórios.
O ISQ interviu nos laboratórios de investigação, assegurando o interface entre os requisitos de investigação do PI e a empresa de projecto e construção, na garantia e controle de qualidade durante a construção de edifícios, laboratórios e instalações, no desenvolvimento e implementação do sistema de segurança no novo centro de investigação, na formação técnica e ainda na organização da manutenção e calibração de equipamentos de ensaios.

A Universidade e Centro de Pesquisa Petroleum Institute (PI) foi fundada em Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes Unidos em 2001 com o objetivo de se tornar uma instituição de referência mundial, tanto no ensino de engenharia, como na pesquisa da indústria de energia.
Conta actualmente com 2000 alunos (licenciados e pós-graduação), mais de 200 professores, e rapidamente se tornou uma instituição de ensino e pesquisa de liderança na região do Médio Oriente. Entre os patrocinadores e parceiros estão a Dhabi, Empresa Nacional de Petróleo, e quatro grandes companhias petrolíferas internacionais que incluem BP, Japan Oil Development Company, Shell e Total.
O campus dispõe de laboratórios e salas de aula modernos.

O Grupo ISQ é a maior organização privada tecnológica de prestação de serviços com sede em Portugal.
Fundado em 1965, hoje atua em mais de 20 países espalhados por 4 continentes.
Dedica-se à prestação de serviços de inspeção, ensaio, formação e consultoria técnica.
Nos últimos 50 anos, contribuiu para a construção da maioria das unidades industriais portuguesas, em áreas tão variadas como a construção de centrais de energia térmica ou eólica, refinarias, petroquímicas, papeleiras, o alargamento da Ponte 25 de Abril, etc.
Mais de metade da sua atividade, nacional e internacional, consiste em serviços especializados com forte incorporação tecnológica, como é o caso de ensaios complexos, engenharia no domínio da integridade estrutural, controlo de qualidade das mais diversas construções industriais, conceção e gestão de infraestruturas tecnológicas e laboratórios, formação e Investigação & Desenvolvimento.
Há mais de 25 anos que integra projetos de I&D nacionais e internacionais, tendo investido mais de 55 milhões de euros em projetos de I&D nos últimos dez anos e participado em mais de 400 projetos em colaboração com cerca de 1200 parceiros.
Em 2014, o Grupo faturou quase 87 milhões de euros. Cerca de 57% do total do volume de negócios provém de exportações.
Composto por mais de 30 empresas, o Grupo tem presença em 13 países e emprega mais de 1.300 colaboradores em todo o mundo.

Fonte: ISQ | Imagem (adaptada): via ISQ





EMAF 2014: Feira Internacional de Máquinas, Equipamentos e Serviços para a Indústria
Iberfibran Promove Jornadas Técnicas Sobre Isolamento pelo Exterior com FIBRANxps
Bosch Ferramentas Elétricas Profissionais Apresenta Inovações no Mercado na Semana Aberta do IEFP

         
         

Comentar

* Obrigatório