Garcia, Garcia responsável pelo projeto e construção de unidade da Eurostyle Systems em Viana do Castelo

15 Julho, 2016.

Garcia, Garcia responsável pelo projeto e construção de unidade da Eurostyle Systems em Viana do Castelo

O Primeiro-Ministro, António Costa, visita hoje a obra da multinacional francesa Eurostyle Systems, ligada ao setor automóvel, que escolheu a Garcia, Garcia, construtora especializada na conceção e execução de edifícios industriais e logísticos, para um projeto de investimento que ascende a 18 milhões de euros. O investimento permitirá a criação de 100 postos de trabalho diretos, em Viana do Castelo.

António Costa já tinha estado na unidade da Eurocast, em Arcos de Valdevez, cujo investimento foi superior a 15 M€, gerando mais de 70 postos de trabalho e que contou com o apoio de incentivos do “Portugal 2020”.
A iniciativa visa acelerar o investimento empresarial em Portugal, através de fundos europeus, gerando empregos diretos e aumento no número de exportações.

Pertencente ao Grupo GMD, o projeto Eurostyle contempla a construção de uma unidade industrial com 6.000 m2, estando ainda prevista uma segunda fase para expansão da área produtiva. Pela sua natureza e dimensão, este investimento irá fomentar o desenvolvimento da economia local e nacional, quer pela dinamização de novos projetos associados, quer pelo contributo para a balança comercial.

O processo de identificação e seleção da localização teve a colaboração ativa da Garcia, que interveio desde o primeiro momento, sendo ainda responsável por todos os projetos de arquitetura e engenharia, além da construção.

A nova unidade industrial da Eurostyle irá produzir peças injetadas de plástico para componentes da indústria automóvel, estando a sua produção destinada ao mercado nacional e internacional, entrando diretamente na cadeia de valor dos gigantes PSA, Volkswagen e Renault.

No último ano, a construtora desenvolveu vários projetos chave-na-mão para investimentos estrangeiros no país, tais como, para a Eurocast e para a multinacional brasileira WEG. Construiu também o Centro de Investigação e Desenvolvimento (I&D) de Aveiro da alemã Bosch Termotecnologia e participou na ampliação da nipónica Uchiyama.

Garcia, Garcia responsável pelo projeto e construção de unidade da Eurostyle Systems em Viana do Castelo

Com forte implementação em França e presença em mais oito países – Portugal, Espanha, Alemanha, Roménia, Eslováquia, Rússia, Marrocos e China – o Grupo GMD é líder no mercado europeu no processamento de metal plano de corte e estampagem, na produção de peças de injeção de plástico e termoformagem, na fundição de alumínio e na fabricação de vedações estáticas e dinâmicas.

Com um volume de negócios de 650 milhões de euros e uma força de trabalho de 3.750 pessoas distribuída por 31 localizações, visa com as novas instalações de Viana do Castelo reforçar o seu posicionamento estratégico e potenciar o seu crescimento internacional.

Com conclusão prevista para dezembro deste ano, o edifício da Eurostyle Systems será composto por três áreas funcionais distintas: a área industrial, o bloco administrativo e social e a área técnica.

Na área industrial encontra-se a zona de armazenagem, produção e de logística. Na conceção e por forma a responder às necessidades da multinacional, foi definida uma solução estrutural em betão pré-fabricado, visando promover a rapidez da execução em obra, assim como equipar o edifício com pontes rolantes de elevada capacidade.

Todo o edifício foi concebido, tendo em linha de conta a fase de expansão, prevista para 2018. Ao nível de projeto, o destaque vai para a solução de layout adotada, desenvolvida para otimizar o lead time e minimizar as necessidades de movimentação dentro da área de produção, como as matérias, produtos e máquinas.

Por sua vez, o bloco administrativo e social irá marcar a paisagem, em função das suas linhas diferenciadas e arrojadas, que conferem ao edifício um traço de elegância e modernidade. Desenvolvido em dois pisos, com uma implantação em L, destaca-se ainda pela área ajardinada, local por onde passarão os visitantes do complexo.

O edifício administrativo foi projetado em função da sua utilização final, organizando-se em duas áreas distintas: as áreas administrativas, que contemplam escritórios, salas de reunião, entre outros, e as áreas sociais, compostas pela cantina e balneários. Esta disposição permitirá a setorização funcional do edifício, promovendo a fluidez, a funcionalidade e a adequação dos espaços.

Por último, as áreas técnicas enquadram todos os sistemas de apoio à unidade e à sua produção, tais como as utilidades, assim como alguns espaços de trabalho e laboratórios. A área técnica, tal como o bloco industrial, foi projetada tendo em conta a segunda fase do complexo industrial.

Dados do projeto
Localização: Parque Empresarial de Lanheses, Viana do Castelo
Projeto e Construção: Garcia, Garcia
Prazo de Execução: 8 meses
Terreno: 17 575 m2
Área de Implantação: 5 441 m2
Área total de construção: 6 068 m2

Fonte e Imagens (adaptadas): Garcia, Garcia via Natália Sousa – Pure Ativism






Bechtel Finaliza Construção da Fase 1 do Metro Ligeiro de Superfície de Washington
NVE Anuncia Participação em Obra de Reabilitação da Casa do Risco em Felgueiras
Garcia, Garcia selecionada pela Eurocast para construção de unidade industrial em Estarreja

         
         

1 Comentário a Garcia, Garcia responsável pelo projeto e construção de unidade da Eurostyle Systems em Viana do Castelo

  1. Laurindo Moreira Fernandes

    Finalmente
    Parabéns e muita sorte a todos

Comentar

* Obrigatório